Já pode constituír «empresa na hora» no Bombarral

Publié le par Secção PS - Bombarral

O serviço «empresa na hora», que permite a constituição de sociedades comerciais, vai estar disponível até ao final deste ano, em dez novos locais de atendimento a funcionar em conservatórias de registo comercial e em vários pontos do país.
A abertura destes novos postos vai decorrer entre Setembro e Dezembro de 2006 e visa «garantir a capacidade de resposta do serviço da «empresa na hora» nos distritos onde se registam os maiores índices de procura, bem como assegurar a adequada cobertura de várias zonas do território nacional», adianta a empresa em comunicado.

 

Os novos locais serão disponibilizados de acordo com um plano, que inclui os meses e os vários distritos onde a «empresa da hora» vai estar disponível.

Entre alguns dos novos locais estão as conservatórias de Guimarães, São João da Madeira, Lisboa, Odivelas, Vila Franca de Xira, Bombarral, Cascais, Portimão, Chaves e Vila Nova de Cerveira.

Com estes novos locais de atendimentos eleva-se para 48 o número de locais onde é possível constituir uma «empresa na hora».

Desde Junho de 2006 que este serviço já era disponibilizado em 38 postos de atendimento, que cobriam todos os distritos de Portugal continental e das Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira.

Recorde-se que de acordo com o relatório «Doing Business 2005/2006» do Banco Mundial, Portugal está entre os 10 países onde é mais rápido constituir empresas, devido ao projecto «empresa na hora», implementado pelo Ministério da Justiça.

Portugueses constituíram mais de 11 mil empresas em 12 meses

Desde o início do projecto, em Julho de 2005, e até 31 de Agosto já foram constituídas 11.132 mil empresas na hora.
Em Agosto, o tempo médio de constituição de uma empresa foi de 58 minutos. A adesão na hora aos centros de arbitragem foi solicitada por 735 empresas das 1.441 possíveis.

Só em Agosto constituíram-se 1.285 empresas, a uma média de 58,4 por dia.

Publié dans Câmara Municipal

Commenter cet article

José Silva 12/09/2006 19:33

São destas iniciativa que o Bombarral necessita.